terça-feira, 26 de agosto de 2014

Torre Eiffel \ Paris fr

É uma torre de treliça de ferro inaugurada no ano de 1889. É um dos ícones da França.

A meu ver é o local mais romântico de Paris. Já foi palco de muitos livros, peças de teatros, concertos, musicais e filmes.
Sendo o ícone parisiense é um dos pontos mais procurados pelos turistas, principalmente pelos casais apaixonados.
Eu particularmente não subi a torre, fui em pleno período de virada de ano, encontrei filas imensas para comprar ingresso e outra fila maior ainda para subir na torre. Me contentei com a vista externa. 
O preço do ingresso para subir até o nível superior é de 15,00 EU.

Foto tirada em um dia de sol. Considerei um dia de sorte, no inverno são poucos os dias que aparecem o sol.
Se observarmos, mesmo no inverno com as árvores sem folhas e flores, a imagem no geral é magnifica.


Se observar o arco lateral, verá nomes escritos. São 72 nomes: matemáticos, físicos, engenheiros, militares e políticos franceses em reconhecimento a suas contribuições à França na época da construção da Torre.

terça-feira, 10 de junho de 2014

Serra da Estrela \ Covilhã pt

Região para esquiar em Portugal.

Além da neve, a vista é magnifica, fomos atraídos pela riqueza humana, cultural e gastronômica da região. Fazendo parte do Parque Natural da Serra da Estrela e margeado pelas cidades de Covilhã, Celorico da Beira, Seia, Gouveia, Manteigas e Guarda.

Partimos da Cidade Guimarães de carro com destino a Covilhã (cidade essa que serviu de ponto de apoio para nossa visita a Serra). Viagem contemplativa, cruzamos a Serra da Estrela até chegarmos ao nosso destino.
Para chegar na Serra da Estrela existem varias opções como: comboio (trem), carro ou ônibus saindo tanto de Porto, Coimbra ou Lisboa.  Podendo hospedar-se na Serra ou em uma das 6 cidades que a cercam.

Uma particularidade da cidade de Covilhã no dia que visitamos; fomos passar a véspera e dia de natal na cidade e curtir a serra. Meu irmão como já é bem familiarizado com o período que fomos na região nos disse para comprarmos na estrada as comidas da ceia de natal, eu tirei sarro dele quando falou que tudo fica fechado no dia 24 e 25, mas segui o conselho dele (pois o seguro morreu de velho).
Na noite do dia 24 fui passear pela cidade para ver se encontrava algum restaurante ou padaria para passar a ceia de natal. Infelizmente foi o que meu irmão disse, não tinha nada aberto, parecia uma cidade fantasma. Fiquei uma hora na rua tentando achar algo e não vi passar nem carro de polícia, não tinha nenhum táxi para eu pedir alguma dica.
Vale a dica para quem visitar esta região no período de Natal!!! Comprem comida no caminho... rsrsrssrrsrs


Infelizmente no inverno que fomos até a Serra não tivemos sorte, foi um ano que não teve neve. A unica neve era artificial. Uma pequena ironia do tempo, no inverno anterior chegou ter nevasca de fechar a estação de esqui. rsrsrsrssr


As paisagens mesmo sem neve são magnificas.


A temperatura no setor mais alta da serra estava a - 5º. Imagina o frio...


No caminho que estávamos percorrendo vimos este lago parcialmente congelado.




Este queijo magnifico é tradicional da Serra da Estrela e de Portugal, considerado o imperador dos queijos portugueses é também conhecido mundialmente.
Maravilhoso!! É produzido do leite de ovelha, parece um requeijão por dentro.


Na Serra tem esta raça de cão de guarda, o Cão da Serra da Estrela que se enquadra no tipo molosso tal como o seu parente São-bernardo. Ambos se encontram ligados ao tradicional pastoreio da ovelha bordalesa da Serra da Estrela. Trata-se de um pastoreio de características ancestrais e milenares, onde práticas como a transumância e a renovação de pastagens pelo fogo são comuns.

terça-feira, 6 de maio de 2014

Castelo de Guimarães \ Guimarães pt

Uma história que teve seu inicio no ano de 958.

De acordo com as escrituras da época, este local onde esta o castelo foi doado no ano de 958 onde se acredita que a estrutura era bastante simples, composta por uma torre possivelmente envolta por uma cerca.


Por volta do ano de 1100 o conde D. Henrique e sua esposa foram morar no castelo ou torre como era chamada, onde teria sido demolia e em seu lugar foi erguida uma imponente estrutura da Torre de menagem (vista em ruínas nestas fotos).

Vale uma visita. Eu fiquei na parte superior da torre imaginando a quantidade de batalhas que aconteceram nesta fortaleza.




Vista das chaminés do Paço dos Duques de Bragança.


De acordo com a história neste castelo nasceu o primeiro Rei de Portugal D. Afonso Henriques. A pia onde ele foi batizado encontra-se na Capela Românica (foto acima) da igreja de São Miguel da Oliveira, no setor Oeste do Castelo.

sábado, 26 de abril de 2014

Paço dos Duques de Bragança \ Guimarães pt

O Paço dos Duques de Bragança de Guimarães foi construído no século XV.


Construído por D. Afonso, (filho ilegítimo do rei D. João I e de D. Inês Pires Esteves), 1º Duque da Casa de Bragança e 8º Conde de Barcelos, em seu segundo casamento com D. Constança de Noronha (filha de D. Afonso, Conde de Gijón e Noronha e D. Isabel, Senhora de Viseu).


Foi habitado no século XV, no séculos seguinte foi abandonado e deixado a ruína, motivado por fatores políticos e econômicos, principalmente no século XX.


Entre 1937 e 1959 foi realizado um restauração completa onde hoje abriga peças de arte do século XVII e XVIII.


A entrada custa 5,00 EU.
É um dos pontos turísticos mais visitados de Guimarães.



sábado, 12 de abril de 2014

Restaurante Marisqueira Primavera \ Guimarães pt

Esta Marisqueira foi meu ponto de varias paradas para almoçar e jantar.

A cada parada eu experimentava algo diferente. As minhas varias visitas se deram pela variedade dos peixes, frutos do mar, atendimento e forma de temperar. Fui do simples peixe grelhado com legumes a lagostas fabulosas.
Um restaurante familiar, com irmãos e pais trabalhando em conjunto para que tudo saia perfeito. Em particular um dos irmãos, ficando na linha de frente do atendimento aos clientes, oferecendo os pratos mais deliciosos e entradas fabulosas.

Esta Sapateira (nome dado ao caranguejo) de 3 kg. estava fabulosa (custa 50,00 EU o kg). Você escolhe no aquário ele vivo (variam de 800 gramas a 4 kg.) e pede para preparar a moda da casa. Demora cerca de 02 horas para ficar pronto, o indicado é passar ou ligar no período da tarde e reservar uma com horário marcado para o jantar, assim quando você chegar já vai estar pronto.
Mas a Marisqueira tem pratos com peixes grelhados a preços de 15,00 EU por pessoa, e as entradas a preços a partir de 5,00 EU.

Esta Marisqueira é ponto de parada de vários jogadores famosos dos times portugueses locais. Não é à toa que devido a tantas visitas acabamos ganhando um par de ingressos para assistir o Sporting X Benfica pelo campeonato português.

Passando por Guimarães, vale uma visita!

Abaixo prato de Sapateira.




A pata é enorme!!!!


Olha o tamanho da cabeça, muito diferente dos caranguejos que comemos aqui no Brasil


Cidade Guimarães \ Guimarães pt

Guimarães é uma das cidades históricas mais importantes de Portugal.

Teve um papel crucial na formação de Portugal, data a sua formação a mais de mil anos e na época era chamada de Vimaranes. Tendo o nome originado de Vímara Pares, nos meados do século IX, quando fez deste local o seu principal centro do governo Portucalese que tinha conquistado para o Reino de Galiza.


Guimarães tem seu centro histórico considerado Patrimônio Cultural da Humanidade, tornando-a definitivamente um dos maiores centros turísticos da região. As suas ruas e monumentos respiram história e encantam quem a visita.


A Guimarães atual soube conciliar da melhor forma a história e consequentemente manutenção do patrimônio com o dinamismo e empreendedorismo que caracterizam as cidades modernas. Foi nomeada a Capital Europeia da Cultura em 2012, fatores que levaram Guimarães e ser eleita pelo New York Times como um dos 41 locais para visitar em 2011 e a considerá-la um dos emergentes pontos culturais da Península Ibérica.

Guimarães fica a 55 km da Cidade do Porto. Podendo chegar tanto de carro, ônibus ou comboio.
Para conhecer bem Guimarães com seus restaurantes, castelos, centro histórico... indico passar uma semana. Mas para quem não tem muito tempo, um dia se conhece bem a cidade.


domingo, 23 de março de 2014

Repolho ornamental \ Guarda pt

Encontramos estes repolhos no Jardim Municipal José de Lemos na cidade de Guarda.

Caminhando pela cidade, encontramos o jardim dessa praça com estes repolhos sendo usados como decoração.
Adorei a criatividade.
Detalhe, não são comestíveis.





Catedral da Sé de Guarda \ Guarda pt

A Catedral da Sé na cidade de Guarda Portugal tem sua história datada no inicio do século XII.

Uma arquitetura medieval magnifica, com esculturas de demônios que ficam fixados ao lado de fora das paredes da igreja.
Vejam abaixo das fotos a história da Catedral da Sé de Guarda.






Foi erguida a pedido de D. Sancho I em homenagem ao Papa Inocêncio III para ser transferida a diocese de Egitânia para a nova cidade de Guarda. Da construção original de estilo românico não sobrou quase nada. Foram no entanto, encontrados alguns vestígios que apontam para um edifício simples.

Seria erguida no século XIV uma segunda catedral por D. Sancho II no local onde situava a atual Igreja da Misericórdia. Onde foi destruída na reforma fernandina das muralhas, por se situar fora delas, por temerem a conquista da cidade por Castela, pois podia ser usada para subir à muralha devido sua proximidade.

A construção da atual Sé de Guarda foi feita no final do século XIV, já no reinado de D. João I, por iniciativa do bispo Vasco de Lamego, partidário da casa de Avis durante a crise dinástica. As obras arrastaram-se lentamente e só no reinado de D. João III seriam concluídas, já em pleno século XVI, sendo por isso um dos monumentos portugueses dos últimos tempos de arquitetura gótica, com evidências claras da influência manuelina.

sábado, 22 de março de 2014

Restaurante A Fragata \ Guarda pt

A Fragata é um restaurante rustico localizado na cidade de Guarda em Portugal.

Quando chegamos a Guarda pegamos um ônibus da estação de comboio até a parte alta da cidade (região central) (custa 1,20 EU cada passagem).
Ao chegarmos na Igreja da Sé fomos abordados por um senhor simpático (taxista) que nos perguntou se queríamos almoçar. Ficamos um pouco desconfiados, mas acabamos aceitando pela simpatia do cidadão. Ele sorridente nos explicou que o restaurante era próximo (ficava a 70 metros da praça que estávamos). Nos acompanhou até a porta do restaurante. Ao chegarmos nos apresentou ao garçom com o dizer "- esses visitantes são nossos convidados especiais". Fiquei muito desconfiado! Mas sentamos e pedimos o menu.

Em quanto tomávamos uma taça de vinho da casa servida em uma jarra de barro (abaixo na foto), percebemos que o senhor que ficava na praça trouxe mais outros casais e famílias, logo o restaurante ficou cheio.
(um detalhe, todos que ele trouxe até o restaurante eram turistas de fora de Portugal)

Quando o restaurante encheu, o senhor taxista entrou na cozinha, vestiu um avental e foi para o salão ajudar a servir as mesas.

Perguntei para o garçom que estava nos atendendo como funcionava a estratégia de venda deles. O garçom nos disse. "- O senhor que nos apresentou o restaurante é pai dos administradores do restaurante". Concluímos que nessa cidade pequena onde os turistas movimentam muito o comércio, uma família tem que se unir para conseguir tirar o seu sustento.
Achei muito interessante a estratégia de venda.

Para meu espanto! Com o vinho, entrada, prato principal e sobremesa, gastamos 28,00 EU para 02 pessoas. MUITO BARATO.


Chouriço feito com sangue de porco acompanhado com legumes. Muito bom!


sexta-feira, 21 de março de 2014

Cidade de Guarda \ Guarda pt

A cidade de Guarda foi fundada pelo segundo Rei de Portugal D. Sancho I no ano de 1199.

Essa região foi habitada pelos Igaeditani, Lancienses Oppidani e Transcudaninos nos primeiros séculos da romanização da Península Ibérica. Estes povos unidos sob uma autêntica federação viriam a resistir à romanização durante dois séculos.

A cidade fica na parte norte da Serra da Estrela. Serra essa conhecida pelos seus queijos de ovelha.


Nossa ida a Guarda se deu de uma forma inusitada. Estávamos sediados em Guimarães ao norte de Portugal quando vimos na TV um documentário sobre essa cidade. Bom! fomos até a estação de Comboio (trem) e compramos uma passagem de ida e volta para o dia seguinte.

A viagem deu inicio de as 5 h., ainda era noite. Fizemos uma conexão em Coimbra e chegamos pelas 10 h. em Guarda. Viagem tranquila, estava muito frio por ser em Dezembro mas o Comboio era climatizado. No trajeto vimos imagens deslumbrantes por onde passamos.
Pegamos o Comboio de volta as 17 h. onde chegamos em Guimarães as 23 h.
O custo da passagem de comboio entre Guimarães e Guarda ida e volta ficou por 25,00 EU por pessoa.


Como chegar:
Fica a 315 km de Lisboa
Fica a 202 km de Porto
Fica a 166 km de Coimbra
De ambas a cidades pode-se chegar tando de carro, ônibus ou comboio.